Como Fazer Sua Resolução De Emagrecimento Funcionar

by | Jan 2, 2019 | Emagrecimento, Mentalidade

2019 chegou e eu sei em primeira mão o quão fácil pode ser se empolgar nas resoluções de emagrecimento no Ano Novo.

Há um misto de grande excitação e desejo de mudar os seus hábitos e a sua realidade, especialmente em se tratando da sua alimentação e do seu corpo.

Eu vejo muitas promessas à minha volta, e um desejo sincero de que as coisas sejam diferentes do que foram no último mês. Dentro de nós, há uma vontade genuína de ser uma pessoa melhor, de ser melhor para os outros, de nos sentirmos melhores e REALMENTE mudar dessa vez.

Se você vive lutando com a balança, isso provavelmente era o que você queria no ano passado também… E talvez há tantos anos seja o seu mesmo desejo: emagrecer de uma vez por todas.

O problema é que a maioria das pessoas estão partindo pro ataque em 2019 do mesmo jeito que entraram em 2018 (e possivelmente como todo ano): AFOBADAS, querendo abraçar o mundo de uma vez, com metas de comer menos, cortar o açúcar, a lactose (e por que não o glúten?), cortar os doces, o álcool e treinar 7 dias por semana. Tudo a partir de hoje.

Eu aposto que você já caiu nessa armadilha diversas vezes, eu pelo menos caí. Eu sempre me empolgava demais com o Ano Novo, porque no fundo eu achava que aquele seria O ANO em que eu FINALMENTE faria diferente. Eu me manteria firme nas minhas metas, sem desculpas e nem autopiedade. Eu iria ARRASAR!

Mas, antes do final de janeiro, sem falha, eu me embananava no meu malabarismo e as bolas começavam a cair. A vida ficava complicada demais e eu retornava, paulatinamente, aos meus velhos e confortáveis hábitos, me sentindo frustrada e fracassada (de novo).

E se você está planejando o seu #agoravai dessa forma #facanacaveira, eu quero te parar aí mesmo e te revelar uma verdade nenhum pouco atraente sobre como vencer na sua resolução de emagrecimento em 2019. Pronta?

Para alcançar resultados diferentes, é preciso SER uma pessoa diferente

Nós SOMOS o resultado do que acreditamos, pensamos, sentimos e fazemos – nessa ordem. Por isso, mudar o que você acredita e pensa são os primeiros passos da mudança (e do emagrecimento) sustentável.

Se considerarmos que as nossas crenças são nada mais do que pensamentos tão recorrentes que se condensam, daria pra resumir assim:

A única forma de ter uma vida diferente é PENSAR diferente.

A sua realidade vai sempre refletir o paradigma que você criou para si – a perspectiva da qual você vê as coisas e a sua vida.

Esse paradigma é como um sistema operacional (tipo o Android ou iOS no seu telefone). A sua mente prefere o previsível. Ela prefere te convencer a não se arriscar e não sair da sua zona de conforto, afinal, é o trabalho dela te manter segura.

A sua mente usa padrões e pensamentos habituais para te manter fazendo as coisas do jeito que você já faz, da forma que você conhece, te levando aos resultados que você já tem – quer você goste disso ou não.

Ela também quer garantir que você continue sendo amada, então é melhor que você não mude, porque quando você muda (ganha mais dinheiro, consegue um trabalho melhor, emagrece…), as pessoas ao seu redor precisam se acostumar com uma nova versão sua – e nem todos estão preparados para isso (me perdoe a sinceridade).

Isso significa que não importa se você QUER MUITO ter resultados diferentes e finalmente emagrecer este ano. Não importa que você SAIBA exatamente o que fazer: comer mais vegetais, mais frutas, menos frituras, menos processados, se mexer mais, dormir mais, etc.

A única forma de fazer isso durar (e alcançar o que você quer) é PENSAR diferente.

O que você pensa sobre si mesma?

Para começar a pensar diferente, é essencial que você saiba como você pensa hoje.

Para tanto, reflita…

– O que você pensa sobre você?

– Você é uma pessoa que alcança grandes feitos?

– Você é uma pessoa focada no grande diamante ou é aquela que se distrai com o brilho das lantejoulas no caminho?

– O que você pensa sobre a carreira, o relacionamento, o corpo que você quer?

– O que você pensa sobre o que você come? E sobre o que você não come?

– Comer alimentos nutritivos é um prazer? Uma tortura?

– Calçar os tênis de corrida é uma recompensa ou uma punição?

Essas são as historinhas que você conta para si mesma sobre você, e é por elas que você precisa começar a sua mudança.

Quando você muda a sua forma de pensar (as suas historinhas), você ganha uma nova perspectiva – e finalmente é capaz de mudar a sua realidade.

E você pode estar pensando “Ok, mas isso é muito mais fácil de falar do que fazer! Como eu mudo a minha forma de pensar?”

Como mudar a sua forma de pensar

Eu quero compartilhar minhas 3 formas favoritas de mudar os seus pensamentos, para que você finalmente chegue aos resultados que você quer em 2019.

1) Cerque-se de pessoas que pensam diferente

Sabe aquela máxima “você é a média das 5 pessoas com quem mais convive”? É bem isso. Você quer alcançar MAIS na vida? Envolva-se com pessoas ou grupos de pessoas que conseguiram mais, que fizeram mais, que expandiram os próprios horizontes e contam melhores historinhas para si mesmas. Elas vão te ajudar a mudar as suas próprias historinhas sobre você mesma.

2) Desafie-se a ser 1% melhor do que ontem, todos os dias

Isso não é nenhum pouco sexy, eu sei. Especialmente quando você está TÃO pronta para ser uma pessoa diferente que a última coisa que você quer é ser SÓ 1% melhor. Mas eu reforço: é por aí mesmo que você deveria começar. De grão em grão a galinha enche o bico, lembra? Agora experimenta tentar mastigar todos os grãos de uma vez.

Comece com metas desafiadoras, mas realistas. A cada dia, alongue-se um pouquinho mais para fora da sua zona de conforto. Quando você não radicaliza nas suas metas, você consegue se manter no jogo por mais tempo. E acredite, especialmente em termos de emagrecimento, o jogo é uma maratona, não um sprint.

3) Comece a AGIR como se você já pensasse diferente

Lembra da ordem que eu falei lá em cima? Você acredita, você pensa, você sente e então faz. Você consegue resultados fazendo o caminho inverso também.

Por exemplo, se ser magra é o que você quer, comece a agir como se as coisas já fossem assim. Como você acha que se comportaria se você já estivesse no seu corpo ideal? Quais alimentos você escolheria comer? Como você se comportaria à mesa? Como você passaria o seu tempo? Escolha alguns desses pontos e comece AGORA. Comece antes de estar pronta, antes de chegar lá.

O que eu mais te desejo em 2019 é que você alcance o que é realmente importante para você. Seja no amor, seja na sua carreira, seja no seu corpo. Em qualquer um dos casos, que essa mudança seja movida pelo amor e pelo autocuidado.

E, como eu sempre gosto de reforçar, nunca deixe de ser grata pelo seu agora, pelo seu “antes”. É ele que vai te dar o aprendizado que você precisa para chegar no seu “depois”.

Aprecie as coisas e o corpo que você tem hoje, ele é a sua casa.

Não tem nada de errado em querer fazer uma reforma e mudar um pouco a casa (se é isso o que você quer), mas nunca vá dormir sem agradecer pelo teto que te mantém protegida e quentinha hoje.

Um ótimo 2019 para todas nós! ?

Lívia Raimundo

Lívia Raimundo

Coach Alimentar, Pn1

Eu ajudo mulheres a comerem melhor e emagrecerem sem neuras.

Eu sou coach nutricional, doutora em marketing de alimentos, estudante de Nutrição, aquariana, louca por café, livros e um bom papo. Eu também amo cozinhar (e comer, óbvio).

Eu vivo em São Paulo com o meu noivo e dedico a maior parte do meu tempo a inspirar mulheres a alcançarem uma relação mais leve e feliz com a comida e com o próprio corpo.

O Passo-a Passo para Escapar da Prisão da Comida

Quiz da Liberdade Alimentar

Teste seu nível de conhecimento e habilidade nos exatos pontos que eu aprendi a dominar para reescrever a minha história com a comida e com o meu corpo!

Relacionados

Coisas que te nutrem além da comida

Coisas que te nutrem além da comida

Se você percebe que frequentemente come sem fome genuína e que grande parte da sua alimentação é movida pelas suas emoções, pode ser que outros aspectos da sua vida estejam desnutridos. Ampliar as suas formas de suprir suas demandas internas é um passo muito importante no caminho da liberdade e autonomia alimentar!

read more
Engordei na quarentena. E agora?

Engordei na quarentena. E agora?

A sua prioridade deve ser sempre o cuidado com a sua saúde física e mental. Lembrar que respirar, mover o corpo, manter a mente ocupada com qualidade e se alimentar bem e de forma consciente são ingredientes básicos para uma vida equilibrada. Não só na quarentena como em todos os outros períodos difíceis que você enfrentar na vida.

read more

Comentários

0 Comments

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *